Fernando Correia

Ficou muito fácil criar um novo projeto no Azure com SDK 1.6

In Dicas on 24 nov 2011 at 10:30

Em novembro/2011, a Microsoft liberou uma nova versão do Windows Azure SDK for .NET. Uma das grandes novidades desta versão é que o processo de desenvolvimento para Azure com Visual Studio ficou muito mais simples, prático e rápido.

Sem perder a possibilidade de controle detalhado, de baixo nível, do processo de publicação, foram adicionadas ferramentas e assistentes que automatizam os processos mais comuns como geração de certificado, instalação e atualização. Dá para fazer tudo isto sem sair do Visual Studio e sem nunca criar um certificado manualmente ou abrir o portal de gerenciamento do Windows Azure.

Para dar uma idéia de como o processo funciona, vamos acompanhar um tutorial passo-a-passo, desde a criação de um novo projeto até acessá-lo pelo browser em ambiente de produção.

Vamos começar criando um novo projeto. Note que não é obrigatório começar criando um projeto do tipo Cloud. Podemos começar com um projeto do tipo Web. Para este exemplo, eu usei um projeto web com o framework ASP.NET MVC 3.

Snap 2011-11-24 at 07.55.08

Prosseguindo com o assistente de novo projeto ASP.NET MVC, vamos selecionar o template de Internet:

Snap 2011-11-24 at 07.57.24

O Visual Studio cria e abre o novo projeto. Até aqui, nada específico do Azure:

Snap 2011-11-24 at 07.59.13

Para transformar o projeto Web genérico em um Web Role do Azure, clicar com o botão direito sobre ele e acionar o item “Add Windows Azure Deployment Project”:

Snap 2011-11-24 at 08.02.00

O Visual Studio irá criar um projeto Azure e configurar o projeto Web como um Web Role:

Snap 2011-11-24 at 08.06.49

Agora vamos publicar este projeto Cloud (com o projeto Web incluído) no Azure. Clique com o botão direito no projeto Cloud e acione o item “Publish”:

Snap 2011-11-24 at 08.17.00

Aqui aparece uma das maiores novidades da versão 1.6 de Windows Azure Tools for Visual Studio: o assistente de publicação de aplicações no Windows Azure.

Comece baixando as suas credenciais do site do Windows Azure:

Snap 2011-11-24 at 08.20.30

Faça o login no Windows Azure:

Snap 2011-11-24 at 08.21.34

Após o login, o browser irá baixar automaticamente um arquivo do tipo “publishsettings”:

Snap 2011-11-24 at 08.24.48

Este é um arquivo XML contendo dados da sua assinatura e, principalmente, o seu certificado de gerenciamento. Este arquivo não deve ser salvo em um local público. Tipicamente, você pode salvá-lo em sua pasta de usuário e inclusive apagá-lo após o uso. Ele só é necessário na primeira configuração do Visual Studio.

Voltando ao Visual Studio, importe o arquivo que você acabou de baixar:

Snap 2011-11-24 at 08.18.59

O arquivo estará na pasta onde o seu browser salva os downloads. Selecione-o e abra-o:

Snap 2011-11-24 at 08.26.52

Avance para a próxima etapa do assistente:

Snap 2011-11-24 at 08.27.50

Agora informe o nome que você deseja usar no Azure para o novo serviço hospedado e selecione o datacenter onde deseja publicar a aplicação:

Snap 2011-11-24 at 08.29.30

Ainda no assistente, aproveite para habilitar o acesso remoto por Remote Desktop. Isso ficou muito fácil, é só marcar a caixa de verificação. Você não precisa se preocupar com configuração ou certificado:

Snap 2011-11-24 at 08.45.37

Informe o nome de usuário e senha que você deseja usar para o acesso remoto:

Snap 2011-11-24 at 08.46.14

Outra facilidade do assistente é a opção para usar Web Deploy por padrão. Este recurso reduz pela metade o tempo para atualizações da aplicação no Azure durante o desenvolvimento:

Snap 2011-11-24 at 08.47.59

Se quiser, altere alguma das configurações comuns ou avançadas. Para a maioria dos projetos, os valores padrão deverão ser suficientes. Em seguida, avance para a próxima etapa:

Snap 2011-11-24 at 08.48.56

Confira os parâmetros da publicação. Se estiver tudo certo, inicie a publicação:

Snap 2011-11-24 at 08.49.55

Você pode acompanhar o andamento da publicação no próprio Visual Studio, sem precisar abrir o painel de gerenciamento do Azure.

Snap 2011-11-24 at 08.51.10

Abrindo a visão detalhada, você poderá acompanhar cada passo da publicação, que leva alguns minutos:

Snap 2011-11-24 at 09.01.43

A conclusão da publicação será indicada pela mensagem “Complete”:

Snap 2011-11-24 at 09.14.42

Neste ponto, a aplicação já está no ar. Para conferir, clique com o botão direito sobre o projeto Cloud e acione o item “Browse To Portal”:

Snap 2011-11-24 at 09.16.00

Na seção de serviços hospedados, confira que a aplicação está pronta para uso:

Snap 2011-11-24 at 09.18.27

Clique sobre a implantação e em seguida na sua URL, indicada no campo “Nome DNS”:

Snap 2011-11-24 at 09.20.46

O seu navegador irá exibir a aplicação rodando no ambiente do Azure:

Snap 2011-11-24 at 09.21.46

Eu gostei muito desta novidade. O processo anterior tinha muitas etapas e nós tínhamos que usar várias ferramentas para executá-lo. Agora podemos fazer tudo dentro do Visual Studio, com um assistente muito simples de usar, e sem precisar nos preocupar com criação de certificados, configuração de acesso remoto ou de web deploy. Muito prático!

Observação importante: exceto para uso dentro dos limites de contas gratuitas, você pagará por cada hora que o serviço estiver no ar. Para evitar custos indesejados após os testes, exclua a implantação usando o painel de gerenciamento do Azure. Não é suficiente pará-la.