Fernando Correia

Posts Tagged ‘mobile’

Desenvolvendo jogos para plataformas móveis com Azure

In Dicas on 6 jun 2013 at 08:23

Os dispositivos móveis têm se mostrado excelentes para colocar literalmente na palma da mão e em qualquer lugar aplicativos rápidos e fáceis de usar. Dentre as aplicações que mais fazem sucesso nesta plataforma estão os jogos.

A Internet permite que milhões de usuários interajam e colaborem. Os jogos competitivos e colaborativos em massa tiram proveito desta possibilidade.

Mas os dispositivos móveis sozinhos não são suficientes. Por melhores que sejam, seu poder de processamento, capacidade de memória, capacidade e velocidade de armazenamento, velocidade e latência da comunicação de rede e vida útil de bateria são ainda relativamente restritos.

É por isso que a nuvem é uma plataforma ideal para aplicativos móveis. Os recursos de processamento, armazenamento de dados e comunicação com escalabilidade, elasticidade e disponibilidade complementam as capacidades dos dispositivos móveis e compensam os seus pontos fracos. Serviços na nuvem permitem a interação rápida e segura entre os usuários.

Continue lendo »

Experiência com Front-End Orientado a Serviços

In Dicas on 28 jun 2012 at 21:35

Nos últimos meses estive desenvolvendo, junto com os colegas Rafael Leonhardt, Jean Pereira e Márcio Oliveira, um software como serviço escalável na plataforma Windows Azure.

Para atender os requisitos de escalabilidade e conectividade do projeto, eu selecionei uma arquitetura que venho pesquisando já há alguns anos, chamada SOFEA (Service-Oriented Front-End Architecture, ou arquitetura de interface com o usuário orientada a serviços), também conhecida como Thin Server Architecture (arquitetura de servidor leve).

Neste padrão, o servidor, que no nosso caso é hospedado no Windows Azure, é responsável pela lógica de negócio e armazenamento de dados, e oferece uma interface orientada a serviços. A interface com o usuário é executada totalmente no dispositivo cliente (computador ou dispositivo móvel). Para ficar claro, neste estilo de arquitetura não há camada de apresentação no servidor.

Continue lendo »